01:48:00 Sábado, 22 Julho 2017
Pouco Nublado

14°C

  • Rotater Example

O Museu Nacional Soares dos Reis foi o primeiro museu público de arte em Portugal. Instalado no Palácio dos Carrancas, uma construção de finais do século XVIII (de 1701 a 1800), este espaço sofreu várias adaptações ao longo do tempo para tornar-se museu.

Este espaço foi criado para receber os bens que foram confiscados aos conventos abandonados ou extintos do Porto e de fora do distrito, num saque que decorreu durante a guerra civil entre liberais e absolutistas.

Aqui pode encontrar peças de cerâmica, escultura, gravura, joalharia, mobiliário, ourivesaria, pintura, têxteis, vidros. Por exemplo, a colecção de cerâmica que existe no Museu Soares dos Reis é uma das maiores colecções deste espaço, constituída, na maior parte, por faiança nacional  com peças dos séculos XVII (de 1601 a 1700) até ao século passado de vários locais produtores do país, como Gaia, Porto ou Viana do Castelo.

O patrono deste museu, António Soares dos Reis, foi um conhecido escultor. No museu a peça mais famosa da sua autoria é ‘O Desterrado’, que foi medalha de ouro na Exposição Internacional de Madrid, em 1881.

O museu dispõe ainda de uma biblioteca especializada nas áreas relacionadas com as colecções do museu, como história da arte e da cidade do Porto.

Estes espaço dispões de uma Loja do Museu, onde pode encontrar publicações, objectos ou réplicas de peças das colecções de museus e palácios, e uma cafetaria com esplanada, onde pode tomar um café, lanchar ou almoçar.

Localização: Rua D. Manuel II, Porto
Horário: Às terças das 14h às 18h. De quarta a domingo das 10h às 18h. Encerrado às segundas, a 1 de Janeiro, domingo de Páscoa , 1 de Maio e 25 de Dezembro.